InicioIncredible10 maneiras de prolongar a vida de um gato

10 maneiras de prolongar a vida de um gato

Em média, a vida útil de um gato é de cerca de 15 anos. Os animais de estimação vivem um pouco mais porque têm melhores condições de vida.

Para garantir que seu gato possa viver uma vida longa e feliz, você precisa monitorar cuidadosamente sua saúde. Abaixo estão alguns dos métodos e conselhos mais eficazes aprovados por veterinários.

Deixe o gato beber mais

Os gatos nem sempre obtêm líquidos suficientes, especialmente se a sua dieta principal for comida seca. Não se esqueça de dar água limpa ao seu animal de estimação. Além disso, vale a pena diversificar sua alimentação com a comida enlatada. Como último recurso, pode-se adicionar água aos alimentos secos.

Gatos precisam de atividade física

Mesmo os gatos domésticos preguiçosos precisam de exercícios para se manterem saudáveis e com energia. Portanto, tente brincar com o gato com mais frequência ou dê a ele a oportunidade de fazer isso sozinho.

É necessário cuidar do casaco

Embora os próprios gatos sejam criaturas muito limpas, eles não podem se limpar completamente. Portanto, os bichanos precisam ser lavados, cortados e penteados de maneira adequada, periodicamente.

Preste atenção ao comportamento

Lembre-se que qualquer mudança no comportamento ou hábitos do seu animal pode indicar sérios problemas de saúde. Portanto, nesses casos, você deve visitar imediatamente o veterinário.

Vacine-se regularmente

Certifique-se de tomar todas as vacinas necessárias dentro do cronograma. Esses procedimentos ajudarão a evitar um grande número de doenças, incluindo as fatais.

Mantenha seus dentes em ordem

Não são só as pessoas que precisam cuidar da cavidade oral. Lembre-se de que os gatos são predadores e que dentes saudáveis são a chave para sua sobrevivência, mesmo que o gato seja totalmente doméstico.

Acompanhe o peso

Se seu animal de estimação perdeu peso drasticamente, isso definitivamente indica problemas de saúde. Isto é especialmente verdadeiro para os gatos que vivem na casa, mas ao mesmo tempo vão dar um passeio lá fora.

Não superalimente o gato

Por outro lado, comer comida abundante também é extremamente prejudicial ao seu animal de estimação peludo. A comida não deve ser apenas saborosa e saudável, mas também com moderação.

Tente não deixar o gato sair para a rua

É um fato comprovado que os gatos domésticos que não ficam ao ar livre vivem vários anos mais. Praticamente não são suscetíveis a infecções, e o risco de acidentes é muito menor.

Uma visita ao veterinário é garantia de saúde

O mais importante é trazer regularmente o animal de estimação para exame do veterinário. Lembre-se de que a maioria das doenças felinas é bastante fácil de tratar no início, e apenas um profissional qualificado pode fornecer um exame completo.

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Most Popular

Recent Comments